Casa do Sobreira

Notícias

Mais 500 árvores plantadas para dar cor à Serra da Cabreira

Diversas entidades juntaram-se, esta manhã de quinta-feira, para plantar mais 500 árvores em área protegida de Serra da Cabreira, em Vieira do Minho, que foi severamente afetada pelos incêndios de 15 de outubro do ano passado.

Apesar da chuva intensa, o presidente da Câmara, António Cardoso, acompanhado de bombeiros, Proteção Civil, GNR, elementos do Instituto da Conservação da Natureza e Floresta, escuteiros E associações locais, pôs as mãos ao trabalho para alertar para a necessidade de os cidadãos “adotarem uma cultura de prevenção”.

“Todos temos de estar envolvidos nesta ação de preservação da Serra da Cabreira. A plantação de mais 500 árvores é um ato simbólico, mas expressivo para aquilo que queremos em termos de ordenamento desta área”, defendeu o autarca, sublinhando que a floresta é “o principal fator de desenvolvimento do concelho, associado ao turismo”.

Atualmente, com uma equipa de sapadores florestais, a expectativa de António Cardoso é chegar ao verão com mais três equipas, que poderão ajudar na prevenção aos incêndios. No ano passado, nos fogos que começaram a 15 de outubro, Vieira do Minho foi o município do distrito de Braga com mais área ardida, cerca de 1700 hectares. Ao todo, um quarto da área da Serra da Cabreira foi consumida pelas chamas.

Assinalando o Dia da Proteção Civil – com atraso, dado que se comemora a 1 de março -, a Autarquia fez também, esta tarde, uma demonstração dos meios de que dispõe, onde estiveram representadas as entidades e agentes de Proteção Civil que integram a Comissão Municipal.

Have your say